sexta-feira, março 30, 2007

TGI Friday

Thank God its Friday...

A todos um bom fim de semana... rumo em direcção à capital... para um fim de semana... beijokas a todos

terça-feira, março 27, 2007

há um ano atrás

esta semana há um ano atrás foi repleta de emoções...

logo a começar uma notícia muito muito boa... muito esperada... por todos...

amanhã faz 1 ano que fiz a defesa da minha tese... 1 ano, até custa a acreditar que já passou tanto tempo... faz um ano que os planos que tinha feito quando tinha 18 anos se realizaram... e felizmente 1 ano depois não me sinto diferente... se bem que com mais dores de garganta que há 1 ano atrás...

O tempo passa a correr...


Nota: Já estou melhor, mas hoje fiquei em casa para tentar curar de vez esta maldita dor de garganta sem apanhar correntes de ar... a ver vamos... beijokas

segunda-feira, março 26, 2007

bolas...

Já chegava, não??? Pela segunda vez num espaço de 1 mês lá fui eu a caminho das urgências do hospital.. isto porque já há cerca de 2 semanas que as dores de garganta voltaram e estavam a ficar pior... conclusão, embora não haja nenhuma infecção óbivia, lá vai a Ana tomar mais antibiótico... bolas já estou fartinha!!! Não gosto de tomar antibióticos, especialmente pois na minha profissão e na minha minha área de especialização sei bem os perigos que corro ao tomar demasiados antibióticos... situação comum em Portugal e na maioria dos países da Europa, onde tudo se trata com antibióticos... eu até tenho vontade de não os tomar, mas as dores de garganta estão a piorar e não quero correr riscos...

Por isso estou de molho outra vez sem estar de molho... estou na faculdade a trabalhar... ou a tentar... Pelo menos parece que algumas das situações problemáticas no laboratório se vão começar a resolver, como os equipamentos especificos para microbiologia que ainda não existiam... parece que agora vão ser mesmo encomendados e chegam em breve... vamos a ver...

Mais... porque a vida não são só tristezas...o fim de semana foi bom... fomos ao cinema e vimos 2 filmes "Flags of our fathers" e "Letters from Iwo Jima", gostei muito de ambos os filmes e foi muito bom ver a ligação entre os dois, que foram realizados pela mesma pessoa: Clint Eastwood... Acho que ele é um óptimo realizador, se bem que não o suporto como actor... não sei bem porquê, mas não consigo achá-lo um bom actor... manias...

Depois ontem ficámos acordados a ver a final dos "Grandes Portugueses"... Que resta dizer... que o voto foi politico, entre apoiantes e opositores do partido comunista... que não gostei mesmo nada de ver a Odete Santos a falar... se antes achava que ela até tinha umas saídas jeitosas, acho que ontem não estava no seu melhor... mas assim como foi dito é só um concurso, triste que seja o resultado é apenas isso...

Esta noite "Prós e Contras"! Quero ver se consigo ver pelo menos um bocadinho...

Beijos
Ana

quinta-feira, março 22, 2007

Parabéns MORE!!!!


Parabéns ao meu amor!!! Hoje faz anos... mais um ano... hoje és pequenino... Espero que tenhas um dia muito feliz e que gostes da prendinha que te comprei...
Beijos

terça-feira, março 20, 2007

"Bonito isso né? Eu li num livro!"

"O "pequeno" para o português, é, na realidade, o que para outros povos represeanta o "médio". É no meio dos pequenos objectos que ele se sente mais à vontade, é neles que investe enchendo a casa de mil bibelôs, fotografias, cobrindo as paredes com coisas pequenas, quadros, cromos, ex-votos, etc.

O "pequeno" representa o tamanho perfeito, adequado ao seu investimento afectivo. Alvo electivo da sua ternura, tamanho fétiche que apela ao seu carinho irreprimível, o pequeno contém em si as pontencialidades de expressão que dele naturalmente decorrem e que depois se tranferem para todos os adjectivos e nomes próprios: pequenino, pequenito, pequerrucho, etc. Como se o pequeno fosse a raíz dos diminutivos afectivos, a essência que percorre o conjunto inteiro das nuances dos "inhos" e "itos" declinando as inúmeras espécies da prquenez.

O portugês revê-se no pequeno, vive no pequeno, abriga-se e reconforta-se no pequeno: pequenos prazeres, pequenos amores, pequenas viagens, pequenas ideias ("pistas"... que se abrem aos milhares de pequenos ensaios). (...) O português habita uma espécie de bola de afecto que faz com que cada separação mínima de um ente querido pareça enorme, longa e longínqua. Separar-se um dia. doi, uma semana ou mesmo umas horas pode suscitar uma dor intensa, uma imensa saudade. Aquela tia que ficava a dizer adeus, adeus, adeus, abanando sem fim o lenço à janela para a sobrinha que ia todas as manhãs para o trabalho, pelo passeio, até ao virar da esquina... Pequenos mundos: daí a visão curta, a repulsa intintiva pelos projecto a médio e longo prazo, a territorialização gregária. (Outro exemplo: os milhões de telemóveis utilizados pelos portugueses).

A pequenez é a negação do excesso, e a nossa maneira de "estar certo" ou "ser certinho" - o nosso "justo meio". Finalmente, o ser pequeno é a estratégia portuguesa de permanecer inocente, continuando criança."

José Gil, "Portugal, hoje - O medo de existir"

Acabei de ler esta passagem neste livro (vou a meio) e não resisti a por no blog para ficar para a posteridade... senti a verdade de uma maneira que antes não tinha visto, ou melhor, percebido... ser criança é bom... é óptimo, mas crescer é preciso... é essencial...

segunda-feira, março 19, 2007

moving on

Depois de um post de desabafos e lamentos... segui-se um fim de semana solarengo que levanta os ânimos a qualquer pessoa...

Imaginei-me a passar pela mesma situação mas no Reino Unido (perfeitamente possível...) e cheguei à conclusão que estaria a sentir-me miseravel, por estar longe de casa e com fracas (senão nulas) possibilidades de passar uns dias tão solarengos...

O fim de semana foi mais uma vez passado com uma ida à piscina, passeio matinal (OK final da manhã) a pé... e tentar relaxar... Se bem que fui chamada de "urgência" para uma reunião na faculdade no sábado à noite... mas prefiro não pensar nisso...

Esta semana tem começado com muito trabalho mas num tom bastante positivo... hoje é dia do Pai... e espero que o meu passe um dia maravilhoso e que goste da prenda que eu e a minha sis lhe vamos oferecer... Hoje recebi finalmente uma resposta dos Serviços Académicos da UBI em relação ao registo do meu diploma de PhD em Portugal (pois sem este passo, não me posso candidatar a lugares na função pública, ou melhor posso candidatar-me mas nunca serei escolhida), e agora é sempre a andar...

Hoje à noite talvez vá ao cinema... e fui convidada para ir a uma peça de teatro amanhã... Por entre todos os lamentos e desabafos, não posso dizer que a vida me corre mal... pelo contrário!!!

sexta-feira, março 16, 2007

uma série de lamentos...

OK... aqui vai um post para exorcisar todos os demónios...

1. Não estou com o meu "A game" isto é... ainda não consegui entrar mesmo no ritmo de trabalho que tinha, distraio-me facilmente, não me apetece trabalhar etc... compreensivel quando passei mais de 6 meses sem fazer nada em casa... mas mesmo assim acho que devia estar melhor...

2. As condições de trabalho estão longe de ser ideias... como não tenho lugar definido na UBI, não tenho "poder" para pedir, encomendar ou mandar nada... Espero que em Junho isso mude...

3. Nos laboratórios (provisórios) é um pandemónio, cheios de estagiários (que não têm culpa nenhuma) mas que muitos foram deitados lá para dentro para trabalharem sem saberem a minima coisa sobre segurança num laboratório...

4. O laboratório de microbiologia está ocupado por pessoas a fazer biologia molecular, e então foi arranjada 1 bancada (repito UMA bancada) para todo o trabalho de microbiologia, em leveduras e bactérias... onde? ao lado da hote em que estão a trabalhar com DNA e a preparar PCRs. Para quem não sabe coisas muito sensiveis a contaminação...

5. Três meses depois de ter avisado que precisavamos de ter bicos de bunsen para trabalhar à chama, e assim evitar contaminações, ainda trabalho com um maçarico...

6. Tenho de fazer umas culturas... tentar reanimá-las como se de pessoas se tratasso quase... o problema é que as amostras que me deram estão cheias de um fungo (Aspergillus) que tem esporo e contamina tudo... Ora eu não quero estragar o trabalho das outras pessoas abrindo as placas na bancada ao lado do sitio onde preparam coisas tão sensiveis como PCRs... conclusão preciso de uma hote, uma câmara... algo onde possa ter um sistema de extração para não contaminar nada nem ninguém... ainda estou à espera... talvez esta tarde... pois todos os sitios onde poderia fazer este trabalho estão a ser usados...

7. Teria muitos mais lamentos a dizer... mas assim não teria mais nada para escrever nos próximos posts...

Nota: de facto depois de escrever este texto sinto-me muito melhor... sei que as coisas são mesmo assim, e seriam assim no Reino Unido se uma faculdade inteira fosse mudada para um novo edificio que ainda não estava concluido... preciso de ter paciência... e tenho... mas às vezes preciso mesmo de deitar tudo para fora... mesmo assim não me arrependo de estar aqui... é um desafio... e um desafio nunca é um bom desafio (pelo menos para mim) se não tiver umas barreiras a transpor pelo meio...

PS: já descobri que não gosto dos marcadores...nunca sei em que categoria incluir os meus posts... por isso não vou por nenhuma...

quarta-feira, março 14, 2007

num sei bem

Esta página para crear um novo post já esteve aberta N vezes... já lhe perdi a conta... pois até há algumas coisas para contar... mas por um ou outro motivo ficava sempre em branco... de tal maneira que sei que tinha um título todo catita para o post mas esqueci-me...

Que contar... sobre o fim de semana... bastante activo, muito mais que os fins de semana anteriores... se não contar com as maratonas covilhã-moita-marinha-covilhã... No sábado de manhã fomos finalmente à piscina municipal para nadar um bocado... pode parecer tonto, mas estávamos para fazer isto desde o fim de semana do referendo, mas ou era eu que adoecia, ou não tinhamos levado o atestado para poder fazer o cartão, ou uma ida à Marinha... acabava sempre por ficar em standby, mas este fim de semana fomos... e que bem que me soube...

Eu adoro nadar... posso ficar horas a nadar dentro de água... sinto-me livre e foi isso que aconteceu no sábado, saí da piscina renovada... muito melhor... para o Pedro é mais para me fazer companhia pois ele é mais homem de corridas e bicicletas (corrida dispenso mas uns passeios de bicicleta até gosto)... no final não estava contente com o que tinhamos feito... ainda fomos lavar o Bubu (Carro), só para ficar sujo de seguida, mas pelo menos não ficou tão sujo como estava... depois foi voltar a casa... por os meus dotes de barbeiro a funcionar... cortar o cabelo ao Pedro, lavar roupa e limpar um bocadinho (notem o "um bocadinho") a casa... depois à noite fomos ao cinema...

Domingo acordámos e depois de tomar o pequeno almoço fomos a pé até ao Serra shopping, comprar umas revistas e pão... e demos mais umas voltas... para quem não conhece a Covilhã e o local onde eu vivo... digamos que é quase como subir até à torre... bem não é mesmo isso mas é um bom exercicio... Não contentes com o que tinhamos feito até à altura pegámos no carro e fomos até unhais da serra (supostamente havia lá umas termas, mas não vimos nada, estava tudo em obras)... depois seguimos para Paul, Telhados e Fundão... a ideia era encontrar um café com uma vista jeitosa e parar para comer um gelado... digamos que acabámos por comer o gelado no parque de estacionamento do Modelo do Fundão... mas mesmo assim foi muito bom o passeio...

Inicio da semana... com algum trabalho... já comprei a prenda do dia do pai (que neste momento anda a passear pela Colômbia), marcámos umas mini-férias da Páscoa... e ando a lutar para ter uma ideia brilhante de uma prenda para fazer uma surpresa ao Pedro no aniversário dele, que também está a chegar... está difícil...

E pronto... já estou cansada de teclar... mas aqui ficou um breve relato do fim de semana e inicio desta semana...
Beijokas

sexta-feira, março 09, 2007

as promissed

Como prometido aqui ficam fotos das "filhotas" na ultima sexta feira... ora a Bolacha a "picar" a Jet ora a Jet a "picar" a Bolacha... Não haja duvidas que os nossos dias se tornaram mais coloridos desde que estas "crianças" chegaram a nossa casa...

Enjoy!!! E bom fim de semana!!!! Beijokas

quinta-feira, março 08, 2007

dia internacional da mulher


Pois é estou de parabéns... assim como todas as outras mulheres deste planeta...
Gosto de ser mulher... não sou das mais femininas, mas gosto... tenho tiques de mulher... adoro sapatos, e comprar roups, se bem que para grande tristeza da minha mãe ainda não cheguei à fase de me maquilhar... saias tb mais raramente... mas é bom ser mulher!!! parabéns a todas... beijokas

segunda-feira, março 05, 2007

i'm back

Aqui estou eu de volta depois de um fim de semana na Marinha com a familia...
Foi de facto muito bom estar com os meus pais e com a minha irmã mais um tempinho... a Bolacha também fez a viagem conosco e foi revisitar e brincar muito com as amigas que deixou na Marinha

Anita: desculpa mas não deu mesmo para te encontrar... esperava ver-te no Atrium mas não estavas lá... beijokas

Hoje a minha ideia era por aqui no blog umas fotos todas catitas da Bolacha, da Jet e da nossa viagem à Torre quando os nossos pais estiveram cá (final de Janeiro...) e trouxe os cabos da máquina e tudo para passar as fotos para o computador... mas não reparei num grande aviso dos cabos... primeiro tinha de instalar o software da Fuji... e deixei o CD na Marinha... por isso só mais logo quando chegar a casa é que posso tirar o cartão da máquina e por no card-reader no computador do Pedro para descarregar as fotos... por isso fica prometido que quando tiver isso pronto ponho aqui umas fotos...

Mas agora de volta ao fim de semana... depois de uma viagem onde a Bolacha foi a miar quase o caminho todo, chegámos à Marinha cheios de fome... e toca de ir almoçar com o meu pai ao Atrium (centro comercial lá do sitio) na minha pizzaria favorita: 100 Nome... adoro... desde que me lembro (pelo menos desde que tenho os meus 12 anos) os almoços de sábados eram sempre no 100 Nome... na companhia das manas Carlos eram sempre muito animados... e a comidinha... bem nem vos conto... no sábado para mim foi um macarrão no forno e para o Pedro uma pizza... bem bom...

Depois de almoço fomos com o meu pai para a Batalha para visitar a ExpoJardim, pois os meus pais estão com umas ideias de modificar algumas coisas e eu e o Pedro fomos fazer companhia... estava giro... com imensa gente...

Á noite fomos jantar já na companhia da minha sis e do meu cu (cu...nhado) a um restaurante na praia das Paredes... comi uma massada de robalo que me soube tão bem!!! Depois fomos com a minha irmã e com o namorado para a Bajouca!!! Essa grande terra! Que eu nem sequer sabia que existia... fomos a um concerto no GAU (Grupo Alegre e Unido) de umas bandas locais e dos OrangTang (é assim que se escreve?)... digamos que eu e o Pedro nos sentimos um bocado deslocados pois a maioria das pessoas lá era bem mais nova (tipo alunos de secundário)... mas foi engraçado... de para rir um bocado e ver o eclipse pois o concerto foi num campo de futebol e a noite estava se nuvens...

E domingo toca de rumar de novo à serra... com a bolacha a miar pelo caminho, mas muito contente quando chegou a casa...

Agora é voltar à carga... acabei de "proof-read", não sei como se diz em português um artigo baseado no meu trabalho de doutoramento que eu e os meus orientadores de doutoramento estamos a tentar publicar... e agora de volta ao trabalho que tenho muitos protocolos e orçamentos para fazer!!!

quinta-feira, março 01, 2007

filhos?

Não este post não é sobre futuros filhos meus, nem sequer sobre os filhos dos outros...

Desde que temos a Bolacha aqui na covilhã os dias mudaram ligeiramente... acordamos de manhã e toca de dar comidinha à madame (pois não podemos deixar sempre à disposição senão ela come tudo de uma vez e depois temos de andar a limpar o que ela deita para fora!)... depois é tempo de manter sempre um olho para ver se ela não está a fazer alguma asneira... ter a casa (mais precisamente a sala) "cheia" de brinquedos (ratinhos, ursinhos, leões, o gil...) espalhados pelo chão... ficarmos deliciados com as gracinhas que ela faz... babados quando finalmente dorme que nem um "anjinho"...

Se com uma gata é assim... nem sequer consigo imaginar com filhos... não haja dúvida que adoro ter animais de estimação...

Adenda: o pior (ou será melhor?) é quando chegamos ao cumulo de em conversas com amigos que não vemos há muito tempo só temos conversas sobre a gata "Nem sabes o que ela fez ontem...", "A bolacha no outro dia fez...", etc... sem duvida que é um tema muito "fértil" em traquinices!