quinta-feira, agosto 23, 2007

competência, competentes e incompetentes...

Pode parecer que não mas este título tem muito que se lhe diga...

Estes termos têm andado muito na minha cabeça ultimamente... e por causa dos mais variados assuntos... por causa do trabalho e de burocracias...

"Competência", pode ser descrita como a capacidade de realizar uma tarefa com sucesso e eficiência, pelo menos a meu ver... ora isso aplica-se às minhas queridas bactérias... Passei uns dias a tentar que elas absorvessem ADN... em principio não era tarefa difícil... as células eram "competentes" (em teoria tinham essa capacidade)... mas testes mostravam-me que afinal eram uma cambada de "incompetentes", absorver ADN não era com elas! Toca de fazer crescer mais células... mesmo muito "competentes" pensei eu... e mais uma vez só me sai uma cambada de "incompetentes"... ou assim julgava eu... Deitei tudo fora... tudo muito estranho diziam-me... e com alguma ajuda toca de saber o quão eficientes as minhas células eram... afinal eram "competentes" e muito... os testes estavam errados!!! E eu que deitei tudo fora!!!! Toca de fazer mais células e hoje sei que estão muito "competentezinhas"...

Ora o que é verdade para o trabalho também o é para as finanças... depois de passar um único recibo por uma palestra que dei em 2006... menos que 1 ordenado mínimo, eis que sou avisada que tenho uma nota de cobrança de IRS! Como?! Desculpem?!!!

Ontem o mistério foi desvendado... eu podia ter ganho 1€ ou mesmo nada... que ia ter sempre de pagar IRS, a não ser que tivesse despesas para deduzir... e só descobri isso porque encontrei uma senhora muito simpática na Loja do Cidadão aqui no Porto que com muita "competência" e paciência me explicou que o Estado parte sempre do principio que se ganhou no ano pelo menos metade do ordenado mínimo anual, algo que quando iniciei a actividade ninguém me tinha dito... porque há "incompetentes" que fogem aos impostos, aqueles que como eu ganharam mesmo têm de pagar...

No final só me apeteceu dizer: "E esta hein?!"

5 comentários:

Maçanica disse...

LOL

Das finaças e outras entidades públicas nem vou comentar... esquecem-se de nos dizer tanta, mas tanta coisa...
das bactérias fartei-me de rir. Moral da história: nunca substimes uma bactéria!!!

Beijocas

Cristina disse...

Não é só aí Ana, aqui passa-se o mesmo, acho que talvez seja um problema mundial...

Um resto de boa semana para ti

beijinhu

Ana disse...

Sabes com eh, quando toca a pedirem o Estado eh muito "competente".
Beijinhos

J Beira disse...

Como eu te compreendo...! Quando elas querem, são umas incompetentes como nunca visto! Ora vê lá se isto não ilustra perfeitamente a situação? http://anatomias.mediasmile.net/incompetent.jpg

Boa sorte, bom trabalho e... quanto à história das finanças... no comment!...

Sara MM disse...

é como quando meio mundo nos avisa "estás isenta", e nós ficamos todas contentes....

e depois dizem, "paga"!!
porque estás isenta mas tens de pedir isenção!!! :oP

(aconteceu-nos isso com as autárquicas! cuidado!)

Bjss