quinta-feira, dezembro 18, 2008

e o mundo gira...

À volta do Gil...
Esta noite foi uma noite boa... depois de uma birrita até à meia noite, que já começa a ser costume, lá mamou e depois dormiu 3 horas e meia... um novo record!!! Depois voltou ao costume, primeiro 2 horas meia e depois 2 horas entre mamadas...

As cólicas ainda aqui andam, e pelo que leio e me dizem vão cá ficar por mais uns tempos...
O pinguinho, já não é tão pinguinho assim... alguns dos pijamas que lhe estavam grandes quando viemos para casa já começam a não lhe servir... está a ficar um pingo!

Das fraldas, noto sem dúvida uma melhoria no rabito, que não está tão vermelho.. quanto a fugas, são mais à noite quando a mãe está a mudar a fralda com os olhos meio fechados e não ajusta bem as fraldas... mas são poucas, a maioria das trocas de roupa é mesmo por causa de bolsar leite, para o babe não ficar molhado...

De resto continua tudo a correr bem... tudo calmo...

2 comentários:

Margarida Atheling disse...

Ai Ana, como te entendo: as horas de refeições, as cólicas...
Podiamos mudar os nomes e uma de nós assinar o que a outra escreve, porque ia dar ao mesmo. ;)

Por acaso a Mafalda costuma dar intervalos maiores de noite, e já nos brindou mesmo com umas 4 noites inteirinhas sem acordar para comer. Mas também é um bocadinho mais velha do que o Gil.
Quanto às cólicas, ela anda a tomar o Biogaia, que é um probiotico. Se é coincidência não sei, mas anda muito melhor das cólicas e eu cruzo os dedos para que elas se vão de vez (coisa maldita!).

Bjos para vocês!

cris ferreiro disse...

Vai continuar a girar à volta. Os filhos têm dessas coisas. Relativamente ao post anterior, o despertador vai deixar de ser necessário. Eu costumo dizer que tenho um despertador com duas pernas (o Gui com 3 anos) que gosta de acordar às 6h30/7h mas agora tenho um outro com 4 meses, a Lara. tem noites que dorme directo e outras nem por isso.
Quanto às cólicas, podem ainda demorar um bocadinho a passar. Eu não dou medicação nenhuma à Lara. Quando tem uma crise, fazemos massagens. Com o Gui foi a mesma coisa apesar dele ter sofrido mais com as danadas.
Beijos