quarta-feira, fevereiro 09, 2005

O stress do doutoramento...

Olá a todos... O Carnaval já veio e já foi sem eu dar por isso... aliás se não fosse as minhas voltinhas pela blogosfera nem sequer me tinha apercebido que era essa altura do ano... O meu foi passado da mesma forma que nos últimos 5 anos, a trabalhar... espero que todos se tenham divertido muito por mim para compensar...
Pois é como devem ter reparado pelo título do post e pelo icon do "hoje sinto-me..." hoje foi um dia bastante frustrante... Hoje soubemos (eu e a minha supervisora) que depois de uma conversa que tivemos com um colega que trabalha para uma empresa de investigação farmaceutica na área do mel... a minha área... durante o verão que ele foi fazer nas nossas costas investigações iguais às que eu tinha feito e está a tentar publicar... resultado... eu que tinha estado até agora com bastante calma para ter todas as informações e verificar os dados todos antes de tentar publicar algum artigo, vejo-me agora obrigada a escrever e publicar os meus resultados o mais rapidamente possível senão ele é que fica com os louros de se ter lembrado de fazer esse trabalho... Às vezes trabalhar em ciência, especialmente em investigação é mesmo ingrato... é sempre a tentar subir à custa dos outros... por isso senti-me muito frustrada... no entanto nem tudo é mau e tenho esperança que consiga publicar os resultados antes de ele os ter prontos para publicação... vamos ver...
Já alguma vez vos contei que também tenho dado algumas aulas? Pois... sou assistente da minha supervisora em algumas práticas e supervisora do trabalho prático de projectos de alguns alunos de último ano... hoje tive que ir explicar a dois dos meus alunos um método que eu aprendi em 10 minutos depois de ler a sua descrição... ora eles já é a terceura vez que lhes explico, demorou uma hora e meia... e ao que parece ainda não perceberam... no final desisti... disse-lhes para irem pensar no que lhes tinha dito para casa e depois voltarem se tiverem dúvidas... tenho a certreza que amanhã me vão estar a bater à porta... sou eu ou esta última geração está muito mais dura de ouvido... para não dizer outra coisa?
Bem espero que todos tenham tido um bom regresso ao trabalho... para mim foi mais uma continuação...
Jokas e boa quinta-feira
Ana

10 comentários:

dinorah disse...

Ola' Ana!!
Que chatice o Carnaval, não e'? deixa lá, eu tb não sai! Fica para o ano!
Compreendo o teu stress do doutoramento, mas em menor escala: também tenho um mestrado para acabar e com um prazo amarrado 'a perna - fim de Abril...
Bom trabalho, tem muita força!!
bj

Euroafricana disse...

Beijinhos e continuacão de bom trabalho!
Quanto ao Carnaval...esse, nem passou por cá!

nokas disse...

Tenho um amigo meu que está a terminar o curso no Técnico e que também é assistente de um professor; prepara e dá a matéria das aulas práticas. Pelo que percebi, e pelas queixas dele, esta nova fornada de alunos é bem diferente, mais mouca e mais burra, portanto, não te preocupes que não é só tua essa impressão...O que é preciso agora é despachar o artigo!Ânimo!Um grande beijinho e bom trabalho :)

JOANA disse...

Calmita... tal como li nos 1ºs post's tu gostas do trabalho, daí a não me "preocupar" mt ctg, e sei que passas tudo isso por cima... :)

Someone Here disse...

Epá essas coisas não se fazem! Mas este mundo está realmente perdido! Agora não tens outro remédio senão acelerar para ver se o moço não te "passa a perna". Boa sorte. Beijocas.

Quem? disse...

Bom dia!!!! e vamos já a mudar esse estado de espírito, boa? Eu sei mais ou menos do que falas pois a minha irmã também faz investigação, está a fazer o doutoramento e compreendo esses altos e baixos. Ossos do ofício...Quanto ao carnaval, pode-se brincar todos os dias, não é verdade? E em relação a mim, tens razão, já me sinto muito bem comigo mesmo e sou cheia de emoções!!!
Bjcs e força!

Patricia disse...

Quem disse que ser professora no séc. XXI era fácil?
Voltámos, Anocas :-) bjs mágicos

Anónimo disse...

Olá Ana, com todos os nossos altos e baixos, tem mesmo de ser assim! Nunca desistir... lutar sempre até ao fim! Eu pelo menos, com muito menos responsabilidades e preocupações que as tuas... sempre vou tentando! Beijocas Miga! Rita Camelo

Anónimo disse...

Ha gente pra tudo...n tiveste vontade de lhe partir a cara??? Fogo :P se calhar sou eu q sou uma revoltada com o mundo! Mas deixa estar pq tu é q és a doutoura maravilha e vais ser super famosa e vais publicar nas revistas mais conceituadas e vou poder dizer q és a minha amigona hehe! BEIJOOOOO da anita canita

Anónimo disse...

Olá, que eu saiba fazer demonstrações no Reino Unido, não é nada que se compare a ser assistente no Técnico. Para se ser assistente no técnico tem que se trabalhar muito. No Reino Unido é tudo muito mais fácil, basta ter um curso superior (que sem dúvida é muito mais fácil tirá-lo do que é tirar um curso Portugal)e estar no primeiro ano de douturamento ou mesmo estar a fazer um mestrado. Quanto ao douturamento os estudantes no Reino Unido tem a vida muito facilitada, pois as facilidades nao se comparam ao que há em Portugal. Por isso Ana nem sequer te devias de estar a queixar muito. Porque trabalho e stress há em todo o lado. E já agora presunção e água benta....